Quando precisamos de palavras que nos inspiram


Sabe aquele dia em que tudo que você precisa é de uma frase de reflexão para se conectar novamente consigo mesmo? Ou de alguma intervenção criativa que possa te fazer olhar o mundo, em uma nova perspectiva, mais motivada e feliz?
É algo que a psicoterapia comportamental trabalha bastante, a possibilidade de mudança de perspectiva ao analisar os acontecimentos da vida, além do incentivo ao cliente de entrar em movimento – se permitir fazer coisas cotidianas que façam sentido para cada um. Acontece que muitas vezes, as pessoas desconhecem coisas legais que podem ser feitas, ou porque não são tão criativas, ou simplesmente porque pensar em fazer algo diferente, pode ser em alguns momentos da vida, algo bastante difícil.
Nesse sentido, como já comentado em outros textos, o psicoterapeuta lança mão de recursos lúdicos (tanto para crianças e adolescentes como para adultos) que possam favorecer o engajamento nos objetivos terapêuticos levantados.
A dica de hoje, talvez tenha cara de déjà vu, você já deve ter visto algo parecido por ai, pois é um livro inspirado em posts de uma página do facebook – indiretas do bem. Na verdade, são 2 livros: O Livro do Bem  1 - Coisas Para Você Fazer e Deixar o Seu Dia Mais Feliz e Livro do Bem 2 - Para Se Aventurar e Ver o Mundo Com Outros Olhos.



É mais um recurso que você pode ter na sua caixa de cuidados emocionais (um outro texto que você pode acessar por aqui).
Os dois livros são bastante interessantes. Com criatividade, sensibilidade e bom humor, propõem exercícios de conexão com coisas que são importantes para cada um: o mundo lá fora e o mundo aí dentro. São propostas de experimentações sensoriais, novas trilhas sonoras, exposição à fatores novos, além de ideias para explorar o mundo à sua volta.
O primeiro tem uma perspectiva mais íntima, com você mesmo. Propõe vários exercícios que podem favorecer o fortalecimento de autoestima e autoconfiança, além de uma compreensão mais leve e divertida para uma vida de sentido e propósito. Exemplo de atividade do livro 1: “tem dias que a gente se sente um peixe fora d’agua, para essas ocasiões tenha sempre um aquário portátil: frases de incentivo. (bolhas para escrever frases de incentivo). “Você é mais forte do que pensa”. “um dia ruim não estraga a alegria de uma vida”. E continue a nadar.
Já o segundo, propõem um desafio mais explorador, para que você se permita a se conectar com o mundo a sua volta, encarar aventuras, conhecer coisas boas que existem perto de onde você está. Como colocam as autoras “É um mapa para as coisas pequenas e especiais da vida”. Favorece ainda, uma compreensão mais empática do mundo.
Exemplo atividade livro 2: frase para reflexão: “Todos os que você encontrar pelo caminho estão lutando suas próprias batalhas. Seja gentil. Sempre”. Wendy Mass.



Ambos os livros podem ser abraços apertados que revigoram a motivação para viver. A psicoterapia, utiliza recursos como esses, somados a diversos outros fatores para o desenvolvimento de um auto-conhecimento mais aguçado. Pois entende que dessa maneira, cada um pode fazer escolhas mais conscientes e viver uma vida mais plena e feliz.

Comentários

Postagens mais visitadas